ANP autoriza e Alvopetro vai começar obra de gasoduto de 11 Km na Bahia

Jair Brasil 13 de junho de 2019 0 Comments

Alvopetro recebe autorização e obras de gasoduto que interligará o campo de Caburé, em Camaçari, à UPGN de mata de São João, na Bahia

Depois de conseguir a autorização ambiental do Inema, com dois meses de atraso, chegou a hora da Alvopetro conseguir a autorização da ANP para iniciar a construção do empreendimento.
O gasoduto interligará a produção de gás dos campos de Cardeal do Nordeste, Caburé, Caburé Leste e uma extensão do reservatório no bloco REC-T-212, todos na Bacia do Recôncavo, até a UPGN da Alvopetro em Mata de São João, onde o gás será tratado antes de ser encaminhado a BahiaGás (distribuidora do estado).

A autorização da ANP foi concedida após uma reunião nesta quarta-feira (12/06) e a Alvopetro terá direito a uma parcela do gás a partir de um acordo de individualização da produção com a Imetame, que também desenvolve um projeto na região.PUBLICIDADE

O empreendimento que segundo a Alvopetro sofreu um atraso devido a demora na liberação da licença ambiental, compreende em um duto de 11 Km de extensão e um novo planejamento prevê o início das obras no início de 2020.

O campo de caburé

A Alvopetro é dona de 49% do campo de gás de Caburé, na bacia do Recôncavo e de 100% de blocos adjacentes, o que leva a empresa a prever excelentes oportunidades de desenvolvimento na Bahia.

Toda a infraestrutura de transporte e processamento do gás será de propriedade também da Alvopetro.

A responsabilidade da construção será da Enerflex que será também a operadora e do duto e das instalações, cujos equipamentos primários já foram montados e testados fora do país, mas ainda não foram enviados para a localidade, que recebeu por enquanto somente os tubos para a fabricação dos dutos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *